Objetivos

A ABDI tem como finalidade debater, divulgar e discutir temas ligados ao Direito Internacional, visando concretizar os seguintes objetivos:

I – Promover o estudo do Direito Internacional no Brasil;

II – Incentivar o estudo científico e a ampliação do ensino de Direito Internacional no Brasil;

III – divulgar conhecimentos técnicos e científicos consolidados, bem como os estudos e pesquisas recentes em todos os setores da atividade profissional do Direito Internacional;

IV – Ser um centro harmonizador da ação dos internacionalistas, na condução doutrinária, jurisprudencial e normativa, que envolvam matéria de Direito Internacional;

V – Expressar o pensamento e as aspirações doutrinárias do Direito Internacional;

VI – Promover o congraçamento de todos os pesquisadores e profissionais envolvidos com o Direito Internacional e ligados a ABDI;

VII – Apoiar os órgãos representativos da classe em seus esforços pelo desenvolvimento profissional do Direito Internacional, bem como coordenar a atividade daquelas instituições que quiserem ficar vinculados à ABDI.

VIII – Promover anualmente e em condições favoráveis o Congresso Brasileiro de Direito Internacional, permitindo o encontro de estudiosos do Direito Internacional de todo o âmbito nacional e internacional.

IX – Promover cursos, seminários, e eventos que envolvam discussão temática do Direito Internacional;

X – Apoiar, assessorar e incentivar as instituições que coordenem eventos que envolvam o debate sobre o Direito internacional ou ainda o desenvolvimento de atividades de pesquisa;

XI – Estabelecer intercâmbio de estudo com instituições de outros países para o desenvolvimento e aprofundamento do debate sobre temas que envolvam o Direito Internacional;

XII – Divulgar diretrizes normativas, doutrinárias e políticas sobre a condução e interpretação do Direito Internacional no país;

XIII – emitir pareceres e estudos, de ofício ou à pedido, sobre lacunas na aplicação do Direito Internacional no Brasil;

XIV – Promover a publicação de trabalhos acadêmicos voltados para o debate do Direito Internacional;

XV – Promover a publicação de uma revista que reúna textos dos principais estudiosos do Direito Internacional no país;

XVI – Promover a integração do Direito Internacional com outras áreas do conhecimento que atuem sob uma perspectiva social e crítica;